quarta-feira, dezembro 01, 2004

Os Incríveis (2004)



"Os Incríveis" é o mais longo filme de animação já feito até os dias de hoje, mas ele é tão bem realizado e divertido que se deixa o cinema com a sensação de querer mais.
Certamente, a animação não foi concebida visando o público infantil, já que as temáticas abordadas dizem respeito, quase em sua totalidade, a aspectos e preocupações do universo adulto. É maravilhoso como a história de uma família de super-heróis se torna secundária à problemática de uma família urbana de classe média contemporânea.

O Sr. Incrível é um super-herói que viu seus dias de glória desaparecerem subitamente, quando a população começou a reagir negativamente contra os indivíduos dotados de super-poderes. O elogio à mediocridade o forçou a ter uma vida comum e tediosa, mesmo ele sabendo que possuía toda a potencialidade para ajudar as pessoas. Apesar da resistência da esposa, a Mulher-Elástica, o Sr. Incrível continou protegendo, na surdina, a humanidade, até que uma misteriosa proposta lhe dá a esperança de retornar à ativa e recuperar todo o status de super-herói.

Com cenas de empolgantes e vilões maquiavélicos, "Os Incríveis" lembra muito os filmes de ação americanos das décadas de 60 e 70, numa era acossada pela a iminência da uma guerra nuclear. No entanto, atualmente, já que o máximo de preocupação que temos é qual será o próximo país que os EUA bombardeará, o foco da trama se transfere dos perigos de um inimigo maluco para a periculosidade de uma mentalidade castradora e alienante. "Os Incríveis" critica a mentalidade do "nivelamento por baixo" tão comum em escolas e, de modo geral, na própria sociedade. O filme é a defesa do desenvolvimento das qualidades e dos potenciais específicos de cada indivíduo para que, deste modo, ele possa contribuir para o aperfeiçoamento de toda a estrutura social.

"Os Incríveis" é um filme inteligente e extraordinariamente bem produzido, inclusive com uma trilha sonora da melhor qualidade, ao espírito de James Bond. Merece ser incluído entre as melhores animações já feitas pelas produtoras norte-americanas e eu não me espantaria se ele fosse considerado como o melhor filme deste ano. É realmente incrível!

2 comentários:

Júlio disse...

De farto, é um filme de entrelinhas.
Apesar da grande bilheteria, a sensação que tive ao assisti-lo foi a de crianças impacientes pela longevidade do enredo e os adultos não entendendo muito bem as sacadas do Sr. Incrível e da Mulher-Elástica.

O grande 'bum' e motivo de ovações foram as útimas cenas de ataque à cidade.

Um dos melhores filmes de animação que já vi. Além de Ant's, é claro.

Rafael Oliveira disse...

Cara essa animação é perfeita. Sinceramente, gostei mais dos Incriveis do que o SHREK!!! Nunca vi a galera vibrar tanto no cinema qto nesse filme.

O filme Os Incríveis...hehehe é INCRÍVEL!!!!

Um abraço